Experiências com Transtorno de déficit de atenção e hiperatividade (TDAH)

Esta página mostra informação detalhada sobre uma doença como por exemplo estatísticas, experiências dos pacientes e artigos relacionados.

opiniões
Transtorno de déficit de atenção e hiperatividade (TDAH)
Também conhecida como: ---
Código ICD10: F90.1, Grupo ICD10: F00-F99, Transtornos mentais e comportamentais
opiniões
Transtorno de déficit de atenção e hiperatividade (TDAH)
Também conhecida como: ---
Código ICD10: F90.1, Grupo ICD10: F00-F99, Transtornos mentais e comportamentais

Impacto na
vida diária

Impacto na vida diária 100%

O que dizem os pacientes...

Impacto no estado emocional 25%
Nível de controle 0%
Nível de queixas 50%
Impacto na dieta 0%
Impacto financeiro 100%

Os nossos pacientes

Os nossos pacientes, demografia

Leia um artigo relacionado com esta doença...

Sem artigos...

Neste momento não existem artigos sobre esta doença.

Leia os depoimentos dos nossos pacientes sobre Transtorno de déficit de atenção e hiperatividade (TDAH)

Transtorno de déficit de atenção e hiperatividade (TDAH)

14/02/2020 | | 61moderado por Roberto

A mente trabalha muito e com muitos projetos. A maioria não se torna real. Tarefas não concluídas. Sem vida social. Colegas de trabalho e família não acredita em mim. Não passo confiança para as pessoas. Exagerados motivos de chacota por parte dos que me rodeiam. Sem chance de ser promovido no trabalho. A vantagem é ser altamente criativo. Muito esforçado, porém, sem resultado prático.
> leia o depoimento completo...

Medicamentos mais usados para esta doença


Experiências dos medicamentos mais usados para esta doença

Venvanse

29/08/2019 | | 56moderado por Juliana
dimesilato de lisdexanfetamina (50) para Transtorno de déficit de atenção e hiperatividade (TDAH)

Utilizei o Venvanse por mais de dois anos ( 50 e 30mg) e percebi a grande diferença com a Ritalina. Além dos benefícios nao apresentou nenhuma reaçao . Infelizmente acabei pedindo a minha medica a retirada gradativa devido ao alto custo( e outros medicamentos usados). Mas agora após 2 meses acho q estou sentido a falta dele pois há um mes tive alguns sintomas de uma depressão ainda nao apresent...
> leia o depoimento completo...

Concerta

27/11/2018 | | 14moderado por Camila
Cloridrato de metilfenidato (54MG) para Transtorno de déficit de atenção e hiperatividade (TDAH)

Olá sou mae de um menino de 14 anos com hiperatividade e defice de atenção pode me ajudar a perceber o que sentiu de diferente em relação ao original e ao generico? Agradeço imenso
> leia o depoimento completo...

Concerta

19/06/2018 | | 48moderado por Camila
Cloridrato de metilfenidato (36mg) para Transtorno de déficit de atenção e hiperatividade (TDAH)

Tomo concerta desde 2013, até 2016 considero que sua ingestão me auxiliava tanto que os efeitos secundários passavam despercebidos. Em 2017, percebi que seu efeito já não eram os mesmos, a memoria apresentou pioras, e a ansiedade seguída de taquicardia se fez mais presente. Hoje, sinto como se a medicação , estivesse adulterada, ela pouco tem colaborado. Concentra, reter os conteúdos, manter o...
> leia o depoimento completo...

Concerta

19/03/2018 | | 37moderado por Camila
Cloridrato de metilfenidato (36mg) para Transtorno de déficit de atenção e hiperatividade (TDAH)

Transtorno de déficit de atenção sem hiperatividade. Com o tempo, percebi que é mais meu transtorno ansioso que cria o déficit. O transtorno ansioso me paralisa, estou perdendo a memória. Estou em pânico.
> leia o depoimento completo...

Concerta

12/03/2018 | | 28moderado por Juliana
Cloridrato de metilfenidato (54mg) para Transtorno de déficit de atenção e hiperatividade (TDAH)

No começo, Concerta funcionava como deve ser. Mas, nos últimos meses, estou sofrendo com efeitos colaterais desagradáveis, como inquietude, preocupações, pânico, problemas de memória, alterações de humor e ansiedade.
> leia o depoimento completo...

Concerta

05/02/2018 | | 33moderado por Camila
Cloridrato de metilfenidato (27mg) para Transtorno de déficit de atenção e hiperatividade (TDAH)

Primeiro utilizava Metilfenidato Mylan, que era horrível. Depois, pedi para utilizar Concerta de Janssen-Cilag, o original. Era muito melhor, a impulsividade desapareceu e me conseguia concentrar melhor e com mais tranquilidade. Para todos que se tornaram introvertidos ou inquietos com Concerta... perceba que a sua dose pode estar muito alta!!
> leia o depoimento completo...

Concerta

14/01/2018 | | 20moderado por Camila
Cloridrato de metilfenidato (54mg) para Transtorno de déficit de atenção e hiperatividade (TDAH)

É um bom medicamento para mim. Estou calma e me consigo concentrar. Eu acho uma desvantagem que começo a ter muito suor e tremores.
> leia o depoimento completo...

Concerta

11/01/2018 | | 15moderado por Miguel
Cloridrato de metilfenidato (54mg) para Transtorno de déficit de atenção e hiperatividade (TDAH)

Quando o medicamento termina de sutir efeito, após 8 a 12 horas, às vezes você fica com dor de cabeça, especialmente se você começou há pouco tempo com o medicamento.
> leia o depoimento completo...

Risperidon

14/11/2017 | | 52moderado por Camila
Risperidona (1mg) para Transtorno de déficit de atenção e hiperatividade (TDAH)

Fiquei, de fato, um pouco mais calmo e mais concentrado com a Risperidona. No entanto, o meu peso aumentou e a minha libido desapareceu. Tinha um sentimento estranho na minha cabeça e não me sentia eu mesma.
> leia o depoimento completo...

Concerta

30/07/2017 | | 38moderado por Miguel
Cloridrato de metilfenidato (36mg) para Transtorno de déficit de atenção e hiperatividade (TDAH)

Depois de anos tomando Ritaln, mudei para Concerta. Ritalin tinha um intervalo de tempo de efeito bastante reduzido e os sintomas voltavam rapidamente. Com Concerta eu posso agora ter um trabalho correspondente ao meu nível de formação. Além disso, consigo executar mais rapidamente as tarefas domésticas. Eu só faço uso do Concerta em dias da semana. Eu escolhi conscientemente não tomar o medica...
> leia o depoimento completo...

Concerta

17/07/2017 | | 20moderado por Camila
Cloridrato de metilfenidato (18mg) para Transtorno de déficit de atenção e hiperatividade (TDAH)

Decidi tentar este medicamento visto que sofro de TDAH, para ver se o medicamento funciona. Um dos efeitos colaterais é que influencia negativamente o seu humor, pelo menos foi assim comigo. Eu usei por cerca de uma semana e nunca me senti tão deprimida. Mas eu tenho inclinação para a depressão, então talvez tenha a ver com isso.
> leia o depoimento completo...

Doenças com mais depoimentos


O conteúdo desta página é gerado por usuários do site e é revisado e analisado antes de ser aprovado, garantindo assim, estar de acordo com as nossas regras sobre experiências ou reações sobre uma doença. Não exigimos nenhum conhecimento médico provado dos nossos visitantes para que estes possam apresentar as suas experiências. Desta forma, as opiniões e experiências descritas denotam a visão do escritor e não a do responsável pelo site. Lembrem-se de que estas experiências diferem de pessoa para pessoa, portanto o seu médico ou farmacêutico devem sempre ser contactados para aconselhamento sobre medicação.

Copyright © 2008-2020 Insight Pharma Services BV.
Todos os direitos reservados.
Icons made by Prosymbols from www.flaticon.com and licensed as CC 3.0 BY.